You are currently browsing the tag archive for the ‘Jantar perfeito’ tag.

O Maridão é meu primeiro namorado…Acho que desde o primeiro ano de namoro nós nunca saímos para jantar no Dia dos Namorados. Todos os lugares estão sempre lotados, sempre tem fila e o serviço é bem ruim. Já ouvimos diversas vezes de casais que esperaram hoooooooras para sentar num restaurante mais ou menos, imagina em um lugar chique e especial então? Sem contar que se você decidir fazer reserva nos restaurantes legais, o preço é bem salgadinho, né?

No começo a gente sempre comemorava um dia antes: um jantar, um vinho, um cineminha….E no dia 12 sempre passávamos juntos. Mas há algum tempo, fazemos programas em “casal” no dia dos namorados. Juntamos com as minhas cunhadas, casais de amigos ou primos do maridão e fazemos um jantar “especial”.

Neste ano tivemos um almoço romântico em casa e à noite fomos pra casa da Cunha Thá. Ela e o Cunho Deco moram num super apartamento na Vila Romana com uma vista maravilhosa. Bebemos vinho, jogamos conversa fora e tudo isso à luz de velas. O cardápio da noite foi um super fondue regado a muito (muito mesmo) vinho branco e outros quitutes que ela preparou. Brie com presunto Parma, torradinhas com queijo ementhal e de cabra. Tudo muito chique, fino e romântico. Gastamos bem menos do que gastaríamos em um restaurante e o Chef Deco arrasou no fondue! Estava uma delícia!

Fica a dica para 2011! 😉

Não. Ele não foi em casa e este não é mais um post de receitas!

Passamos metade de nossa lua-de-mel no Caribe em uma ilha que é metade holandesa e metade francesa: St Maarten. Eu já tinha ido para lá com os meus pais, mas o maridão não. Quando começamos a procurar destinos no Caribe foi meio que automático. E como meus pais vão para lá sempre que tiram férias, pedimos diversas dicas.

Uma delas era o restaurante francês Brasserie de la Garre. Um restaurante super charmoso, na beira da marina de Marrigot, lado francês da Ilha. Uma vista LINDA para o pier, barcos ancorados, gente charmosa passando e passeando!!!

No segundo dia decidimos ir almoçar lá e experimentamos a dica. Eu comi frango com molho de ervas e talharini e o maridão comeu lindos e parrudos camarões com molho creole (típico da culinária local). Eu, como sou alérgica a camarão, fiquei babando no prato dele de tão bonito e apetitoso.

Como gostamos muito, decidimos voltar lá no nosso Jantar Romântico “oficial” da lua-de-mel, em um dos últimos dias de viagem: beliscamos couvert, escolhemos os pratos e pedimos uma champagne para acompanhar. Já estava perfeito, mas não sabíamos que ia ficar ainda melhor.

Depois de 5 minutos que nos acomodamos a parte do Jantar Perfeito começou. Não descobrimos o porque, mas acabou completamente a luz na marina. Todos os restaurantes em volta do pier estavam completamente apagados. Nenhuma luz. Apenas o barulho do mar e as pessoas conversando. E nós ali, sentadinhos, com baguetes, manteiga Président, champagne, na lua-de-mel e curtindo o melhor momento de nossa vida.

O Francês nos trouxe velas, que deixou o jantar ainda mais perfeito. Nossos pratos vieram em seguida: Frango com molho creole e vegetais e o maridão repetiu a dose de camarão. O jantar fou seguido por deliciosos petit gateaus e mais champagne para acompanhar.

Ficamos conversando mais algum tempinho, tomamos nossa champagne, curtindo o momento propiciado pelo “além”, pela luz de velas e pela cozinheira fantástica do restaurante, que nos deixou extremamente “felizes”.

Pagamos a conta, fomos passear pela marina e a luz misteriosamente voltou, assim como tinha ido embora.

Just Perfect!

Quem sou eu?


aventurasdecasada@gmail.com

Se cadastre para receber as atualizações do blog por email! ;)

Junte-se a 57 outros seguidores